Filme: A Virada de Bethany (Sassy Pants)

Se você tem TV por assinatura e gosta de ficar passeando entre os canais com certeza já passou pelo título de “A Virada de Bethany“, que passa de tempos em tempos nesses especializados em filmes. Estava com ele gravado no HD desde março, mas só tive oportunidade de vê-lo agora, e que surpresa! Arrisquei sem nem mesmo ler a sinopse, e o que pensava ser uma coisa era outra completamente diferente, mas não em um mau sentido. Bethany me ganhou nos primeiros minutos da história e torci por ela por cada minuto antes da tal da virada acontecer.

Sassy-Pants

Bethany, meus amigos, é uma garota de 18 anos que foi educada em casa por uma mãe um tanto rígida, presa às ordens dela, sem contato social com outras pessoas e sem poder ao menos escolher a cor das próprias roupas. Depois de escapar para uma festa com seu vizinho e ser descoberta (e humilhada) pela mãe, ela se revolta e foge para a cidade do pai, para morar com ele. Como Bethany sempre foi apaixonada por revistas de moda, ela começa a sonhar com uma carreira no ramo, lutando contra sua falta de jeito e um monte de gente tentando sabotar seus planos.

JA LEUMesmo que esse resumo aí de cima não tenha te convencido, ainda acho que você deve dar uma chance! Vamos lá: olha, ele não faz o tipo filminho adolescente  romântico-bobo-sonho-impossível. Pelo contrário, ele fala da vida real, mas na medida certa, com foco em uma garota que não se acomoda na posição confortável em que sua mãe quer deixá-la pra sempre. Bethany sabe que merece mais, e vai atrás do que quer, aos poucos. Ainda que suas condições não sejam as melhores, ela corre atrás, arruma um emprego, se planeja, cria oportunidades. E eu adoro filmes que carregam uma mensagem assim, de mocinhas que demonstram a capacidade das garotas de provocar a virada nas próprias vidas.

Para completar, tem várias cenas naturalmente engraçadinhas para quebrar o drama.

E sabe o melhor de tudo? A felicidade de Bethany está concentrada na solução do seus problemas pessoais e na busca pelo futuro que ela deseja, e não em uma obsessão por sua vida amorosa, que é mostrada apenas em segundo plano. Girl power!!!!

Screen Shot 2014-01-13 at 8.39.54 PM

JA VI

 

.

.

.

.

.

Bethany conseguiu!!!!!!!!!!!!!!! Gente, depois de tantos buracos no meio do caminho, ela conseguiu! Que orgulho aquela cena final no carro. Consegui me identificar com ela diversas situações, desde a batalha por conseguir entrar na faculdade dos sonhos até as dificuldades de relacionamento que ela tinha com a mãe. E, como disse antes, demonstrando que mulher nenhuma precisa se apaixonar loucamente para ser feliz. Ela conseguiu o que queria com o vizinho e pronto. Teve atitude pra correr atrás do que queria e fim! Mostrou para todo mundo que poderia chegar aonde quisesse.

Vocês gostaram? Eu amei os personagens masculinos, o pai da Bethany e o namorado, e o vendedor da loja de vestidos de festa. Me fizeram rir muito!

Olha a playlist que montei com algumas das músicas do filme:

 

Filme: A Virada de Bethany (Sassy Pants)

Ano: 2012

Disponível no canal Studio Universal 

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s